A vascularização precoce promove a regeneração dos tecidos

Da proteção ao amadurecimento

Dr. Marjan Gilani · Switzerland
 · November 10, 2021

As membranas de colágeno são usadas em diferentes protocolos de tratamento, incluindo a preservação de rebordo, elevação do seio maxilar ou preenchimento de defeitos ósseos ao redor do implante dentário. A vascularização é um dos fatores mais importantes no prognóstico dos resultados do tratamento no local aumentado.1

Quanto tempo leva para que uma membrana de colágeno seja totalmente vascularizada?

Uma resposta precisa a esta pergunta requer a realização de um estudo clínico com remoção repetida de biópsias para análise histológica. Embora tal prática deva ser justificada por razões éticas, os cientistas abordaram a questão através de estudos com animais.2-3

Em 2005, Rothamel et al. publicaram os resultados de um estudo sobre a integração de diferentes membranas de colágeno em um modelo de rato.2 Eles compararam a biodegradação, vascularização e integração tecidual de oito membranas de colágeno comercialmente disponíveis ou experimentais. Para Geistlich Bio-Gide®, a análise histométrica mostrou que a espessura da membrana diminuiu entre as semanas 2 e 4 (p<0,001), sem alteração significativa para o restante do período de observação (p>0,05). A membrana foi completamente vascularizada na semana 2, com os vasos sanguíneos atingindo a superfície não exposta da membrana. Também mostrou evidente integração tecidual na semana 2, até que a membrana estava quase completamente degradada na semana 4. Enquanto todas as outras membranas estudadas tiveram um tempo de biodegradação maior do que Geistlich Bio-Gide®, os autores concluíram que a "biodegradação prolongada parecia estar associada à diminuição da integração tecidual, vascularização e também a reações do corpo estranho "2.

Mais tarde em 2008, Schwarz et al. publicaram os resultados de um estudo com cães para responder a uma pergunta semelhante.3 Eles colocaram os implantes no cume curado na mandíbula de 12 cães beagle, preencheram o defeito com Geistlich Bio-Oss®, e o cobriram com seis membranas diferentes ou o deixaram descoberto. A cicatrização foi sem problemas em todos os cães, sem complicações durante o período de observação. Entretanto, o tempo de crescimento dos vasos sanguíneos através da espessura e, portanto, o tempo de reabsorção variou para cada membrana. Para Geistlich Bio-Gide®, os vasos sanguíneos recém-formados tinham penetrado homogeneamente através dos espécimes histológicos na semana 1. Na semana 4, a espessura da membrana foi significativamente reduzida (p<0,05), seguida pelo aumento do valor médio de preenchimento ósseo medido na semana 6 (p<0,05). Finalmente, na semana 12, Geistlich Bio-Gide® foi quase reabsorvida, e um aumento significativo na formação óssea média foi observado (p<0,01).

A vascularização promove a regeneração?

Uma rede vascular estabelecida e madura auxilia e acelera os processos regenerativos, trazendo o suprimento de sangue e os elementos nutricionais e fatores de crescimento necessários para o local aumentado.1

O que dizem os estudos clínicos?

Geistlich Bio-Gide® tem sido usado por clínicos por pelo menos duas décadas:4-5 mais de 80 estudos clínicos relatam resultados bem sucedidos de tratamento com Geistlich Bio-Gide®. Como diz o Prof. Daniel Buser, "a membrana Geistlich Bio-Gide® provou ser confiável e se caracteriza por um manuseio clínico fácil e uma baixa taxa de complicações por 20 anos".

 

Referências:

  1. Saghiri MA, et al.: Med Oral Patol Oral Cir Bucal 2016;21(4):e526-e537. (Review)
  2. Rothamel D, et al. : Clin Oral Implants Res 2005;16(3):369-78. (Pre-clinical study)
  3. Schwarz F, et al.: Clin Oral Implants Res 2008;19(4):402-15. (Pre-clinical study)
  4. Camelo M, et al.: Int J Periodontics Restorative Dent 1998;18(4):321-31. (Clinical study)
  5. Jung RE, et al.: Clin Oral Implants Res 2013;24(10):1065-73. (Clinical study)

Sobre o autor

Dr. Marjan Gilani | Switzerland

Manager Medical Communications
Geistlich Pharma AG